Como manter o sistema de gestão da qualidade

Implantar um sistema de gestão da qualidade não é fácil. Como já dissemos algumas vezes, requer esforço, trabalho em equipe, planejamento e investimento. Mas a verdade é que o trabalho mesmo começa após a sua implantação.

Qualquer empresa, dos mais diversos portes e segmentos pode se certificar na ISO 9001. Pois todos estão aptos a investir na gestão da qualidade. É por isso, por ser tão abrangente que a ISO não impõe a maneira como deve ser feita a gestão. As condições devem ser definidas internamente. Afinal, ninguém melhor para saber as particularidades da sua Organização do que sua própria equipe, não é mesmo?

A verdade é que o novo enche os olhos. Apesar das dificuldades em envolver a equipe no projeto, com uma boa estratégia que mostre os benefícios que todos terão as pessoas acabam se engajando. Porém, com o sistema implantado e a certificação em mãos, o dia-a-dia vai voltando aos poucos a ser o que era.

Isso ocorre porque as pessoas acabam adotando determinados hábitos com um objetivo (neste caso, a certificação), após ter sido alcançado manter aqueles hábitos torna-se difícil. Por isso é tão importante que a mentalidade abordada pela ISO 9001 seja enraizada na cultura organizacional, de forma a tornar-se um hábito natural do cotidiano da equipe, e não atitudes forçadas.

Para isso é necessário ter DISCIPLINA, investir em treinamentos, acompanhar o desempenho da equipe, monitorar o tempo todo. Mudar a cultura empresarial não requer um mês de esforço. Requer um tempo indeterminado se esforçando até que sem perceber, as coisas começam a acontecer naturalmente da maneira que tem de ser.

Mudar os costumes do time não é fácil porque requer um trabalho persistente. É necessário investir em treinamentos e programas de incentivo para não deixar o pessoal desanimar.

“Se você quer algo novo, você precisa parar de fazer algo velho” Peter Drucker